Percursos Pedestres na Beira Alta

No concelho de Moimenta da Beira, distrito de Viseu, foram recentemente anunciados três novos percursos pedestres que passam por territórios rurais, aldeias típicas, e paisagens graníticas de rara beleza.

Se aprecia o contacto com a Natureza e de conhecer novos lugares, esta é uma boa sugestão para descobrir o Portugal Interior que raramente é assinalado nos guias turísticos.

A Rede de Percursos Pedestres do Município de Moimenta da Beira insere-se no programa operacional AGRIS que visa o desenvolvimento agrícola e florestal numa perspectiva de desenvolvimento sustentável dos ambientes rurais na óptica ambiental, económica e social.

Os trilhos inaugurados pelo Município apelidam-se de Rotas do Paiva, do Távora e da Serra. No primeiro trilho viaja-se ao longo do rio Paiva, considerado como um dos cursos de água menos poluídos da Europa, num trajecto com a extensão de oito quilómetros, entre as aldeias de Ariz e de Segões.

Percursos Pedestres na Beira Alta
Percursos Pedestres na Beira Alta
Por seu turno, a Rota do Távora tem uma extensão aproximada de 17 quilómetros com início no Parque de Campismo da Barragem de Vilar e término na aldeia da Rua. Pelo caminho, pode apreciar a diversidade florística e os campos agrícolas da região, alguns vestígios de ocupação romana, e ainda visitar as aldeias de Vilar e de Vide.

Os mais bem preparados fisicamente podem optar pela Rota da Serra, o percurso mais extenso, com cerca de 27 quilómetros. Esta rota tem o seu início e fim na aldeia de Pêra Velha com passagem pelas povoações de Carapito, Leomil e Alvite.

Para chegar a Moimenta da Beira, saindo de Lisboa, deve seguir pela A1 em direcção a Coimbra e prosseguir pelo IP3/A25 em direcção a Viseu e posteriormente pela N323 em direcção à sede de concelho. Se sair do Porto deve apanhar a A3 e posteriormente o IP4 em direcção a Amarante, seguindo depois pela A24 em direcção a Lamego e Moimenta da Beira pela N226.

Para alojamento nesta região consulte o portal de reserva de hotéis Booking.com.

SEM COMENTÁRIOS