Triângulo dos Balcãs – Eslovénia, Bósnia e Croácia

Entre os Alpes e a costa do Adriático atravesse os Balcãs e viaje pelas cidades e pelos lugares mais emblemáticos da Eslovénia, da Bósnia-Herzegovina e da Croácia, numa viagem pela História da ex-Jugoslávia.

O circuito começa na capital eslovena Ljubljana, onde se realiza uma visita panorâmica pela cidade com passeio pelo centro histórico. Dos lugares a visitar destacam-se as três pontes sobre o rio Ljubljanca, a igreja românica de São Nicolau, a igreja ortodoxa, a Praça da República, a Galeria Nacional e o Parque Tivoli.

Com cerca de 300 mil habitantes, a capital eslovena é uma cidade encantadora com uma área histórica bem preservada, onde podem ser encontrados edifícios com diferentes traços arquitectónicos.

A partir de Ljubljana ruma-se a um dos destinos mais turísticos da Eslovénia: o lago Bled. Situado no Parque Nacional de Triglav, o imenso espelho de água, de um azul profundo, encontra-se rodeado pelos Alpes Julianos e pela floresta.

O destino seguinte é Skofja Loka, uma das cidades mais antigas do país, reconhecida pelo seu centro histórico medieval reabilitado. O itinerário pelos Balcãs continua até se chegar à capital croata. Zagreb é a maior cidade da Croácia, com quase um milhão de habitantes, sendo o principal centro económico, financeiro e cultural do país.

Durante um dia poderá ficar a conhecer os lugares mais emblemáticos da cidade, nomeadamente o centro histórico medieval (Gornji grad), a Catedral de São Marcos, o Palácio Arcebispal, a Praça do Rei Tomislav, o forte de Medvedgrad e ainda a parte mais recente da cidade (Donji grad) dominada pelo comércio e pelos museus.

Lago Bled. Fonte: wikipedia.org
No quarto dia deste circuito viaja-se para a Bósnia-Herzegovina em direcção a Sarajevo. Pelo caminho visita-se a cidade de Banja Luka, conhecida pelas suas fontes termais, desde os tempos romanos, e pela diversidade da arquitectura religiosa, com a presença de mesquitas, catedrais ortodoxas e igrejas católicas; e ainda a cidade de Jajce, antiga capital do país, onde foi proclamada a República da Jugoslávia em 1943 pelo general Tito.

Sarajevo é hoje uma cidade que procura renascer literalmente das cinzas. Tendo sido palco de três guerras, a capital bósnia é hoje uma cidade virada para o futuro que oferece ao viajante diversos motivos de interesse. O centro histórico, a Câmara Municipal, a Ponte Latina, o típico bazar de Bas Caesija, a Mesquita do Imperador (Careva dzamija) e a Igreja Ortodoxa Mula Mustafe Baseskije são alguns dos locais a visitar.

Partindo de Sarajevo segue-se para Mostar, situada nas margens do rio Nereteva. A mistura de culturas bizantinas, otomanas, e mediterrânicas, fazem desta urbe um lugar único no contexto da região dos Balcãs. A ponte velha e o centro histórico são os principais ex-líbris da cidade que foram classificados pela UNESCO como Património Mundial da Humanidade em 2005.

De regresso à Croácia, viaja-se até à costa do Adriático, em direcção a Dubrovnik, um dos destinos turísticos mais em voga na Croácia. Aqui faz-se um passeio pelo centro histórico, com traços góticos e renascentistas, visitando-se os Palácios Rector e Sponza, o Convento de Sigurata, a Catedral da Assunção e da Virgem Maria, o Mosteiro Dominicano, e o forte Lovrijenac. No penúltimo dia pode aproveitar para realizar diversas excursões opcionais pela região. A partir de Dubrovnik regressa-se a Portugal.

Este circuito é disponibilizado pelo operador turístico Lusanova Tours que divulga preços base desde 1577 euros, por pessoa, em regime de ocupação dupla. No valor da viagem encontra-se incluído o alojamento durante sete noites em regime de meia-pensão, passagem aérea de ida e volta na companhia aérea Lufthansa em classe económica, transferes, circuito em autocarro com guia e seguro de viagem.

SEM COMENTÁRIOS