Guia de Viagem: Visitas Gratuitas em Londres

Conheça algumas das melhores atrações turísticas em Londres com entradas gratuitas.

São diversas propostas de visitas, desde museus de renome internacional a edifícios históricos, fantásticas galerias de arte e magníficos parques.

Planeie as suas férias em Londres e inclua a nossa lista de sugestões no seu itinerário.

Museu Britânico

Great Russell Street, WC1. Aberto diariamente das 10h-17h30, sextas até às 20h30

O Museu Britânico dispensa apresentações, e tem entrada gratuita. Os mármores de Elgin, a polémica colecção de esculturas levada do Partenon em Atenas para a Grã-Bretanha em 1806 por Lord Elgin (ainda hoje os gregos a reclamam!), são o principal atractivo. Mas o museu tem muito mais para ver, com objectos de praticamente todas as civilizações. A galeria do Iluminismo é particularmente fascinante. Destaque ainda para o belíssimo tecto de vidro que ilumina o Great Court.

Royal Festival Hall

Southbank Centre, Belvedere Road, SE1

O Royal Festival Hall em Londres é uma sala de concertos localizada no Southbank Centre. Inaugurada em 1951, funciona desde a década de 1980 como espaço aberto ao público. Mesmo quando não está a decorrer um espectáculo, há sempre um concerto, uma exposição ou um workshop gratuitos, em especial ao fim-de-semana. Vá de elevador até ao 5º andar, onde encontrará uma pequena varanda com uma vista fabulosa sobre o Tamisa. Todo o edifício dispõe de Wi-Fi.

Parque de skate em Southbank

Southbank Centre, Belvedere Road, SE1

Se for ao Royal Festival Hall, aproveite para conhecer o parque de skate na galeria subterrânea do Southbank Centre. Mesmo para quem não pratica a modalidade, o espectáculo vale bem a pena. O parque é popular entre os “skaters” e praticantes de bmx, mas também entre os grafiteiros. Não muito longe, no extremo nordeste da ponte pedonal de Hungerford, formou-se um cemitério de skates para onde são lançadas as tábuas partidas.

Speakers’ Corner

Esquina nordeste do Hyde Park, próximo de Marble Arch, W1

Quando visitar o Hyde Park, não perca a esquina nordeste. Aqui, a animação é diária desde o final dos tempos vitorianos. Toda a gente pode participar e declamar sobre o seu tema de eleição.

Galeria Nacional

Galeria Nacional

Trafalgar Square, WC2. Aberto diariamente das 10h-18h, sextas das 10h-21h

A Galeria Nacional oferece um conjunto de eventos gratuitos todas as semanas, que incluem visitas guiadas e palestras. Visite os vários quadros famosos – “Os Girassóis” de Van Gogh, “Os Embaixadores” de Holbein ou “O Temerário” de Turner. O edifício tem muitas salas; facilmente se evitam as multidões.

New London Architecture

The Building Centre, 26 Store Street, WC1. Aberto de segunda a sexta das 9h30-18h, sábados das 10h-17h

As galerias do Building Centre estão abertas para envolver o público no futuro arquitectónico da cidade de Londres, promovendo a divulgação e o debate sobre o planeamento, os desenvolvimentos e as construções na capital britânica. Estes são um excelente ponto de partida para ter uma visão geral da cidade.

Barbican Centre

Silk Street

Ausente da maioria dos guias, o Barbican Estate, que alberga o Barbican Centre, um dos maiores centros de arte da Europa, é um interessante complexo de edifícios dos anos de 1970, representativo da corrente arquitectónica conhecida como brutalismo na Grã-Bretanha. Os blocos residenciais estão agrupados em torno de um lago com zonas ajardinadas onde o peão é rei. É nesta área que se encontra o Barbican Centre, dedicado a apresentar um vasto conjunto de eventos de arte, música, artes dramáticas, entre outros. O Barbican Centre alberga também a sede da Orquestra Sinfónica de Londres.

Biblioteca Britânica

96 Euston Road, NW1. Aberto às segundas, quartas e quintas das 9h30-18h, terças das 9h30-20h, sextas das 9h30-18h, sábados e domingos das 11h-17h

Não é apenas um templo de leitura para académicos e estudiosos, a Biblioteca Britânica tem outras actividades abertas ao público em geral, tais como exposições temporárias. Na exposição permanente sobre os tesouros da biblioteca estão expostas algumas das obras mais significativas da história da humanidade, desde a Carta Magna à Bíblia de Gutenberg, sem esquecer as colecções de música de Mozart e dos Beatles.

Jardins de Kensington

Um dos oito parques reais, os jardins de Kensington que outrora serviam a residência real, recebem todos os anos milhões de turistas, e são um ponto de passagem obrigatório. Para além do Palácio de Kensignton, os Jardins Italianos, o Albert Memorial, a estátua do Peter Pan e o Memorial da Princesa Diana, são outros dos destaques deste parque londrino.

St Bride’s Church

Fleet Street, EC4. Aberto de segunda a sábado das 8h-18h, domingos das 10h-18h30

Conhecida como a “Igreja dos Jornalistas” dada a sua proximidade de Fleet Street, a história da St Bride’s Church remonta ao século VII a.C. por ter sido erguida num antigo local de culto. A sua construção data de 1672, após o grande incêndio de Londres. Diz-se que a famosa torre inspirou o primeiro bolo de casamento em camadas.

Para construir o seu itinerário pessoal existem vários websites e aplicações para smartphones para o planeamento da sua viagem.