De Copenhaga a Bergen com Visita aos Fiordes dos Sonhos

0

O operador turístico Nordictur sugere um circuito de dez dias que parte de Copenhaga (Dinamarca) e termina em Bergen (Noruega).

Um dos pontos altos desta viagem é a realização de um cruzeiro que passa pelos fiordes de Geiranger, Sognefjord e Naeroyfjord.

O itinerário começa na capital da Dinamarca, onde de realiza uma visita guiada pelos principais pontos turísticos com passagem pela área do porto (Nyhavn), a Pequena Sereia, um dos ícones da cidade, os Jardins do Tivoli, o Palácio Real, o Copenhagen Opera House, o Teatro Real, os Jardins Kastellet, e o Palácio de Christiansborg.

No dia seguinte, viaja-se de navio em direcção a Oslo, capital da Noruega, onde se destaca uma visita panorâmica pelos lugares mais emblemáticos da cidade, nomeadamente o Palácio Real, o Teatro Nacional, o Parque Frogner e o Museu Viking.

Descobrir o Norte da Europa

Viagem aos Fiordes da Noruega

O roteiro prossegue em direcção às cidades de Otta e Alesund, de onde se parte de cruzeiro para visitar os fiordes de Geiranger, o glaciar de Briksdal e o magnífico Sognefjord designado pela UNESCO como Património Mundial da Humanidade.

A viagem termina em Bergen, considerada a “capital dos fiordes”, onde poderá ficar a conhecer o bairro típico de Bryggen, o Castelo do Rei Haakony, e o Mercado do Peixe. Nos restaurantes locais não deixe de saborear pratos da cozinha norueguesa.

O preço deste programa de férias nos fiordes da Noruega ronda os 1730 euros por pessoa e inclui estadia em unidades hoteleiras de categoria superior com pequeno-almoço, cinco jantares, voos diretos de ida e volta na companhia aérea TAP com saídas de Lisboa e Porto, e visitas guiadas.

As partidas realizam-se em dias específicos entre junho e setembro. O operador refere ainda que os transferes não estão incluídos no preço final.

Para mais informações detalhadas (preços, itinerário, condições) e reservas consulte a página online do Nordictur, especializado em viagens na Escandinávia e Países Bálticos.

Partilhar.