Clima da Argentina: Quando Ir, Melhor Época para Visitar

0

Com um vasto território, a Argentina é influenciada por diversos tipos de clima – desde o subtropical a norte, na fronteira com o Brasil, ao subpolar no extremo sul do país.

A maioria das regiões tem clima temperado, mas algumas das mais visitadas, como a quente e húmida Buenos Aires, ou a gelada e árida Patagónia, apresentam climas extremos.

A Argentina possui quatro estações distintas: Inverno (Junho-Agosto), Primavera (Setembro-Novembro), Verão (Dezembro-Fevereiro) e Outono (Março-Maio).

O Verão é estação mais quente e húmida em todo o país, com excepção da Patagónia onde é a estação mais seca. Em geral, os Invernos são moderados no norte da Argentina, frios na região do centro e gelados no sul do país. Algumas regiões do sul apresentam micro-climas por sofrerem a influência dos oceanos. A Primavera e o Outono são estações de transição que geralmente apresentam temperaturas mais amenas.

Regiões Tropicais e Subtropicais do Norte da Argentina

O norte da Argentina é de evitar no Verão. O calor abrasador e a elevada humidade são constantes, tornando desagradáveis as visitas às atrações. As províncias tropicais e subtropicais da Argentina incluem Chaco, Corrientes, Formosa, Misiones, onde se localizam as Cataratas de Iguaçu, e Santiago del Estero, e ainda partes de Salta, Santa Fe e Tucumán.

Estas regiões caracterizam-se por elevadas temperaturas e precipitação durante todo o ano. A melhor época para visitar é durante o Inverno argentino – que corresponde ao Verão no hemisfério norte – quando não está tanto calor e os dias são menos chuvosos.

Regiões Temperadas do Centro da Argentina

O centro da Argentina, que engloba a região das Pampas e as cidades de Córdoba, Mar del Plata e Buenos Aires, apresenta um clima moderado com Verões quentes e húmidos e Invernos frios e chuvosos. Entre Janeiro e Dezembro, são comuns temperaturas na ordem dos 40ºC durantes vários dias consecutivos. Este corresponde ao período de férias, com muitos argentinos em viagem. Por todas estas razões, a melhor época para visitar esta região é na Primavera, quando a temperatura é mais amena e a humidade menos elevada.

Patagónia e Regiões Áridas da Argentina

As regiões montanhosas da Argentina, que incluem os Andes e as províncias de La Rioja e San Juan, apresentam climas áridos, que se tornam frios e ventosos na Patagónia. Para passeios, a melhor época para visitar a Patagónia é durante os meses do Verão argentino, quando as temperaturas são mais elevadas e a neve derrete. Para a prática de esqui e outros desportos de Inverno, os meses de Julho e Agosto são os preferidos dos argentinos.

Regiões Subpolares da Argentina

A chamada Terra do Fogo (ou Tierra del Fuego em castelhano) não é de forma alguma uma região quente (foi assim apelidada possivelmente por Fernão de Magalhães ter avistado fogueiras dos nativos ao longo da costa). As temperaturas em Perito Moreno e nesta região raramente ultrapassam 15ºC no Verão. No entanto, os Invernos não são tão frios como a localização numa latitude tão a sul o sugere, já que o oceano tem um efeito moderador da temperatura. Mais do que o frio, o Inverno é caracterizado por tempestades de chuva e neve.

Quando Ir

A região norte da Argentina pode ser visitada durante o Inverno argentino – que corresponde ao Verão no hemisfério norte – quando não está tanto calor e a humidade não é tão elevada.

A região central, que inclui Buenos Aires, pode ser visitada ao longo dos 12 meses do ano. No entanto, se não gosta de calor e humidade, evite os meses de Janeiro e Dezembro. A Primavera, que corresponde aos meses de Setembro e Novembro, é a melhor época para visitar esta região.

Para explorar a região sul da Argentina, a época mais indicada para fazer a visita é durante o Verão (Dezembro a Fevereiro).

Partilhar.