Istambul e Japão em Lisboa: Um Encontro Cultural

0

A comemoração dos 150 anos do Tratado de Paz, Amizade e Comércio entre Portugal e o Japão, e a cidade de Istambul, actualmente uma das Capitais Europeias da Cultura, são o mote para a mostra de arte e cultura destes dois mundos, para descobrir durante o mês de Março, na cidade de Lisboa.

A cidade turca de Istambul encontra-se em grande destaque no Centro Cultural de Belém. Exposições de fotografia, instalações de vídeo-arte, cinema, espectáculos de dança, concertos, conferências, oficinas de percussão corporal e discussões literárias são algumas das actividades previstas.

O “Festival Pontes para Istambul” pretende ser uma mostra alargada da arte e cultura turca contemporânea, na perspectiva da cidade que abraça o Oriente e o Ocidente, entre o Mar negro e o Mar de Marmara. Capital Europeia da Cultura durante o ano de 2010, Bizâncio, Constantinopla ou simplesmente Istambul é hoje uma das cidades mais fascinantes do mundo, em constante mutação, onde diferentes épocas convivem lado a lado.

Este festival insere-se no evento “Os Escritores e as Cidades”, onde as obras do Prémio Nobel da Literatura Orhan Pamuk, do poeta Nâzin Hikmet e do fotógrafo Ara Güler se encontram, para mostrar a realidade política, social e religiosa do passado e do presente.

Japão e Istambul em Lisboa

Basilica Cisterna em Istambul

A exposição fotográfica “Istambul Perdida” mostra diversos trabalhos de Ara Güler, conhecido como “o olho de Istambul”, durante as décadas de 50 e 60, onde se cruza a tradição com a modernidade num movimento contínuo. Por seu turno, a jornalista do Público, Alexandra Lucas Coelho, convida os leitores a descobrir as obras de Pamuk e Hikmet.

Em direcção a Oriente, às portas do Rossio, comemoram-se os 150 anos da assinatura do Tratado de Paz, Amizade e Comércio entre Portugal e o Japão. Na loja Tezenis, situada na rua 1.º de Dezembro, três artistas japoneses dão a conhecer algumas faces do país do Sol Nascente, através de uma exposição denominada “Tradição Japonesa, Paisagem Portuguesa”, onde se ensina a arte da cozinha japonesa, através dos chefes Yuko e Taichi, e onde se mostram pinturas (Ukiyoe) alusivas à cidade de Lisboa.

Para mais informações sobre estes dois eventos sobre o Japão e Istambul consulte os sites do Centro Cultural de Belém e da Embaixada do Japão em Portugal.

Partilhar.