Liubliana: Uma Pequena Cidade em Grande Estilo

0

A capital eslovena situa-se num local privilegiado, onde o campo e a cidade de unem numa única entidade. Localizada no centro da Europa, rodeada por florestas, e a “dois passos” dos Alpes e do Mar Adriático, Liubliana apresenta características singulares no contexto das capitais europeias.

A cidade com cerca de 300 000 habitantes respira tranquilidade. Aqui a azafama das grandes metrópoles é quase inexistente. Não existe hora de ponta nem correria de casa para o emprego. Estudantes, bicicletas, turistas, e pessoas com diversos estilos, culturas e influências usufruem da cidade a um ritmo muito próprio.

Por momentos poder-se-ia fechar os olhos e pensar-se que se estava numa típica cidade austríaca, como Salzburgo, por exemplo. Sensação essa que pode ser obtida no centro histórico, onde edifícios de diferentes estilos arquitectónicos se encontram lado a lado, onde quase tudo se encontra organizado, reabilitado e limpo, e onde existe uma aura de requinte.

O Que Visitar em Liubliana

O centro histórico de Liubliana, situado na margem oriental do rio Ljubljanca, é o coração da cidade. Galerias, igrejas, cafés, restaurantes típicos, lojas de artesanato, lojas de design, museus, e edifícios de arquitectura barroca e de art nouveau dominam o espaço.

Ljubljana

Centro de Ljubljana

As imagens de marca da cidade são as pontes sobre o Ljubljanca, nomeadamente a do Dragão (Zmajski Most) concebida pelo arquitecto croata Jurij Zainovich no início do século XX; e a ponte Tripla (Tromostovje), desenhada por Jože Plečnik, que liga o centro histórico à Praça Preseren (poeta esloveno) com os seus edifícios de art nouveau.

A Igreja Românica de São Nicolau com a sua cúpula verde; a Igreja Ortodoxa; a Praça da República, onde foi proclamada a independência em 1991; o Parque Tivoli, criado em 1813 pelo francês J. Blanchard, e posteriormente redesenhado pelo grande arquitecto da cidade Jože Plečnik; a Galeria Nacional; e o Museu de Arquitectura são outros dos pontos de interesse a visitar.

No topo da colina avista-se o castelo medieval de Ljubljana erguido durante o século XII, de onde pode obter uma magnífica panorâmica sobre a região envolvente, sendo possível avistar as montanhas alpinas e o rio Sava. A entrada nas instalações do castelo é gratuita.

Uma visita a Liubliana faz-se caminhando. Andar a pé é a melhor forma de conhecer a cidade, só assim terá a oportunidade de conhecer todos os recantos e encantos que a capital eslovena tem para oferecer.

Quando visitar Ljubljana

Ruas de Ljubljana

Quando Visitar Liubliana

O clima de Liubliana caracteriza-se por ser oceânico, mas com algumas características continentais, as quais se traduzem em verões quentes e invernos relativamente frios.

Os meses de Julho e Agosto são os mais quentes, sendo que as temperaturas podem ultrapassar facilmente os 30ºC, com uma grande probabilidade de ocorrência de trovoadas. Os meses mais frios ocorrem entre Dezembro e Fevereiro com temperaturas quase sempre negativas, onde a neve é uma presença assídua.

A precipitação encontra-se presente ao longo do ano, sendo que os meses mais pluviosos são Setembro e Outubro.

Na generalidade, o melhor período para visitar a capital da Eslovénia é entre Abril e Outubro, quando as temperaturas são mais amenas, e os dias mais longos. Não se esqueça no entanto de colocar na bagagem um impermeável e um guarda-chuva, pois é muito provável que chova durante a sua estadia.

Partilhar.