O Melhor das Ilhas Gregas – Praias e Atrações Turísticas

A Grécia conta com mais de 2.000 ilhas, desde ilhéus desabitados a ilhas como Creta, que todos os anos atraem turistas provenientes de todo o mundo.

As ilhas gregas oferecem praias, história, trilhos para caminhadas, desportos aquáticos, boa comida e bebida, e há opções para todos os gostos. Escolha a ilha que mais se adequa ao seu estilo de viagem.

As melhores praias

Creta, Lipsi, Kefallonia, Skiathos, Mykonos

Praia de Myrtos em Kefallonia

Quase todas as ilhas gregas têm praia, mas nem todas as praias são como estas. O pano de fundo da praia de Frangokastello no sul de Creta é um castelo no sopé das Montanhas Brancas (Lefka Ori), mandado construir no século XIV para proteger os nobres venezianos e as suas propriedades dos ataques de piratas.

As praias Platys Gialos e Kambos em Lipsi, uma pequena ilha tranquila, e a praia de Myrtos em Kefallonia, a maior das ilhas jónicas, são por excelência praias paradisíacas com águas de cor azul-turquesa.

As 65 praias de Skiathos são ideais para quem procura animação. A praia de Koukounaries, com 1.200 metros de extensão, é uma das praias mais concorridas desta ilha. A praia da Banana é popular entre os nudistas, e a praia conhecida como Little Banana é frequentada pela comunidade gay. Mas para quem quer estar no centro da acção, as lendárias praias Paradise e Super Paradise em Mykonos são a escolha acertada.

A melhor História

Rhodes, Delos, Corfu, Patmos

Palácio dos Grão-Mestres em Rhodes

O que une as quatros ilhas (Rhodes, Delos, Corfu, Patmos) é o facto de todas estarem referenciadas na lista do Património Mundial da UNESCO. Na deslumbrante cidade medieval de Rhodes, capital da ilha, os principais pontos de interesse são o Bairro dos Cavaleiros e o Palácio dos Grão-Mestres. Foram os Cavaleiros de São João, mais tarde Ordem de Malta, que no século XIV construíram a cidadela murada.

A pequena ilha de Delos, situada próximo de Mykonos, é considerada o berço do deus Apolo. A história da ilha conta-se através das suas ruínas de santuários e imponentes residências que ainda conservam alguns dos belíssimos mosaicos.

Em Corfu, o destaque vai para a arquitectura veneziana, francesa e britânica, que testemunham a presença destes povos na ilha desde a Idade Média. Patmos é a ilha do etéreo, conhecida como o local para onde o apóstolo João foi exilado. O Mosteiro de São João o Teólogo e a Caverna do Apocalipse são as principais atrações.

As melhores caminhadas

Creta, Naxos, Alonnisos, Skopelos

Garganta de Samariá em Creta

Creta revela uma grande variedade de paisagens, desde vales e planícies a montanhas e desfiladeiros. Com 16 km de extensão, a garganta de Samariá, situada no parque com o mesmo nome, é considerada a mais longa da Europa.

O passeio Zakros-Kato Zakros (onde estão as ruínas de um palácio minoica) é uma opção mais tranquila. Uma caminhada à beira rio pelo bosque de tamareiras em Plakias, uma aldeia no sul de Creta, é outra das propostas. Para obter informações sobre condições e oportunidades para caminhadas, consulte o Greek Mountaineering Club of Hania. O Alpine Travel organiza trekking e caminhadas na montanha e nos parques naturais.

Na ilha de Naxos, são várias as caminhadas que se podem fazer entre as aldeias tradicionais gregas, atravessando antigos templos e igrejas bizantinas. O Flisvos SportClub organiza caminhadas em grupo nesta ilha. As caminhadas nas pequenas ilhas de Alonnisos e Skopelos fazem-se em cenários de florestas, pomares e flores silvestres. O Alonnisos Walking Club e o Skopelos Walks organizam caminhadas nestas duas ilhas.

Os melhores locais para mergulho e snorkelling

Cárpatos, Milos, Paros, Kastellorizo

Vista de Cárpatos

Na ilha de Cárpatos, a Karpathos Diving School organiza mergulhos a grutas com uma grande diversidade marinha. O Milos Diving Center organiza na ilha de Milos mergulhos para observação de peixes de águas profundas, golfinhos e até lobos marinhos. As ilhas de Paros e Kastellorizo também oferecem óptimas condições para snorkelling.

A melhor gastronomia

Lesbos, Samos, Corfu, Folegandros, Creta

Dakos, uma popular entrada grega

A ilha de Lesbos é conhecida pelo seu azeite e pelo típico ouzo, um licor grego feito à base de anis, que acompanha os mezedhes, entradas de lula e polvo servidas em bares tradicionais gregos (“ouzeries”). Tal como a ilha de Lesbos, também a ilha de Samos produz vinho de qualidade, com destaque para o famoso moscatel de Samos.

Os sabores italianos são uma presença indiscutível na cozinha de Corfu. As especialidades da ilha de Folegandros incluem matsata (pasta com coelho ou frango e molho de tomate), astakomakaronada (lagosta com esparguete), liokafto (peixe seco ao sol). O azeite é também a especialidade da ilha de Creta, assim como a entrada conhecida como dakos (tostas com tomate, azeite e queijo) ou o queijo myzithra. Legumes cozidos temperados com sumo de limão e azeite (um prato conhecido na Grécia como “horta”) acompanham peixe ou cordeiro assado.

Circular pelas ilhas gregas

São vários os ferries que navegam no mar Egeu entre o continente e as ilhas. No entanto, a informação sobre os ferries é confusa, com várias companhias a operar e horários em constante alteração. Uma boa opção é planear a viagem online, e depois confirmar o itinerário numa ou mais agências de viagens na Grécia (a informação fornecida, por vezes, varia).

Para poupar tempo, o avião pode ser uma boa alternativa, já que os atrasos e cancelamentos são mais raros. A Olympic Airlines e Aegean Airlines fazem a ligação entre Atenas e uma grande parte das ilhas gregas. A Astra Airlines e a Sky Express são as companhias que fazem a ligação às ilhas mais distantes como Mykonos e Santorini. Com antecedência, é possível reservar voos a preços bastante económicos.

Os cruzeiros são também uma opção popular para visitar as ilhas gregas. O único problema é conseguir adiantar-se aos 2.000 visitantes que chegam à ilha ao mesmo tempo. As ruas laterais e praias escondidas são nestas alturas locais preciosos.

Quem não viaja em cruzeiros mas quiser evitar as multidões, deve também ter atenção aos horários de chegada.

Saber Mais

Consulte o site oficial do Turismo da Grécia para informações complementares.