O Que Ver e Fazer na Bulgária – 5 Melhores Atrações

A Bulgária é um destino quase desconhecido, e talvez por isso surpreendente. Com uma sedutora combinação de paisagens naturais e história, este longínquo país de leste promete inesquecíveis viagens de aventura.

As razões para visitar a Bulgária resumem-se assim: praias do mar Negro, inúmeras igrejas, montanhas e bosques dos Balcãs, e uma longa história que emana das fortalezas e das ruínas espalhadas pelas cidades do país.

O essencial do país pode visitar-se em poucos dias de carro, sem gastar muito dinheiro – a Bulgária é um país barato.

Sófia

Catedral de Alexandre Nevsky

Sófia é uma das mais antigas capitais europeia, e o Museu Nacional de História é um bom ponto de partida para compreender os sete mil anos de história e o local por onde passaram romanos, bizantinos, otomanos e russos.

O centro histórico concentra a maioria das atrações, incluindo a Igreja de São Jorge, que é o mais antigo edifício de Sófia, a emblemática Catedral de Alexander Nevsky e as igrejas de Santa Sofia e de São Nicolau (ou igreja russa) no mesmo quarteirão, o Palácio Nacional da Cultura, e a Galeria Nacional de Belas-Artes. Recupere as forças no Mercado Central, um espaço de restauração típica. Sófia é também conhecida pelas suas nascentes de água mineral, ainda hoje utilizadas, junto ao edifício das Termas Centrais, transformado no Museu da Cidade de Sófia. Por fim, não deixe de realizar um passeio nocturno pela cidade iluminada.

Plovdiv

Vista da cidade velha

Plovdiv é a segunda maior cidade da Bulgária. Situada na região central do país, nas margens do rio Maritsa, Plovdiv é uma cidade de colinas, tal como Lisboa, e isso sente-se numa visita a pé. Na cidade velha, com as típicas ruas empedradas e os edifícios seculares, estão concentradas as principais atrações turísticas. Destacam-se o museu etnográfico, as igrejas ortodoxas de São Constantino e Santa Helena, a catedral católica, e a mesquita de Djumaya, uma das mais antigas em território europeu. Numa colina próxima, o Teatro Romano é o ex-líbris da cidade, cujo anfiteatro oferece uma vista magnífica sobre a cidade

Veliko Tarnovo

Fortaleza medieval de Tsarevets

Veliko Tarnovo, cidade de czares, está situada em três colinas (Tsarevets, Trapezitsa e Sveta Gora) próximo do rio Yantra. O centro, que pode ser visitado a pé, alberga diversos palácios medievais dos imperadores búlgaros e do patriarcado, bem como edifícios de reconhecida importância histórica dentro das muralhas da fortaleza medieval Tsarevets, que domina a cidade. Outras atracções deste destino incluem a emblemática Igreja dos Quarenta Santos Mártires, o museu arqueológico, os edifícios revivalistas e a principal artéria comercial da cidade (Samovodska Charshia), com diversas lojas de artesanato típico.

Riviera Búlgara

Sunny Beach

Entre Sunny Beach e Nessebar, pode desfrutar de sol, mar sem ondulação e água a 25ºC, resorts, restaurantes, bares e lojas para turistas. Saindo dos aglomerados urbanos, é ainda possível encontrar praias semidesertas ao longo da costa do mar Negro.

Um pouco para sul, Nessebar é uma cidade-museu, com mais de três mil anos de história, inscrita na lista de Património Mundial da UNESCO. As ruínas, datadas sobretudo do período helénico, incluem a acrópole, um templo de Apolo, uma ágora, e uma muralha da fortificação construída pelos trácios no século VIII a.C. A igreja de Santa Sofia (Stara Mitropolia) e a fortaleza remontam à Idade Média quando Nessebar era uma das cidades bizantinas mais importantes da costa do mar Negro. As casas em madeira do século XIX são típicas do estilo arquitectónico da época.

Parque Nacional Pirin

Parque Nacional de Pirin

O Parque Nacional Pirin é um dos mais belos da Europa, fazendo parte da lista de Património Mundial da UNESCO desde 1983. A paisagem é típica das regiões cársticas dos Balcãs, caracterizada por lagos glaciares, reminiscentes de actividade glaciar durante o período quaternário, cascatas, grutas e bosques de coníferas.