O Que Ver e Fazer na Croácia – 5 Atrações Turísticas

Com um litoral imenso e mais de mil ilhas em pleno mar Adriático, a Croácia oferece ao viajante o prazer de uma das mais belas faixas costeiras da Europa.

As águas translúcidas da costa da Dalmácia, a pitoresca cidade de Dubrovnik, a autenticidade das ilhas de Hvar e Korcula e os deslumbrantes lagos Plitvice, sem esquecer a capital Zagreb, são algumas das atrações que propomos a quem visita pela primeira vez este país dos Balcãs.

1. Dubrovnik

Vista panorâmica de Dubrovnik

Conhecida com a pérola do Adriático, Dubrovnik é um destino incontornável na Croácia e no Adriático. A cidade destaca-se pelas imponentes e bem preservadas muralhas, pelos diferentes estilos arquitectónicos – medieval, renascentista e barroco – de diversos edifícios e construções, e pelos cenários naturais entre o verde das montanhas e o azul profundo do mar.

Em termos históricos, a prosperidade da cidade foi baseada no comércio marítimo. Na Idade Média, Dubrovnik rivalizava com Veneza, e nos séculos XV e XVI a cidade conheceu um desenvolvimento notável ligado à navegação.

2. Hvar

Jelsa na ilha de Hvar

Hvar é uma ilha localizada no sul do país. A uma costa de águas quentes e translúcidas, junta-se uma paisagem de oliveiras, vinhas, pomares e campos de alfazema. Neste cenário natural, surge a belíssima arquitectura medieval das cidades de Hvar, a maior da ilha, Stari Grad, a mais antiga, e Jelsa, que possui algumas das melhores praias.

Na medieval Hvar, a praça é considerada a mais bela do país, com diversos edifícios históricos do século XVII, incluindo a Catedral de São Estevão. Destaque ainda para as ruelas de mármore envoltas nas muralhas do século XIII, e a a imponente fortaleza no topo da colina.

3. Plitvice

Passadiços no Parque Nacional dos Lagos Plitvice

O Parque Nacional dos Lagos Plitvice, Património da Humanidade pela UNESCO, é outra das atrações da Croácia que não pode deixar de visitar. Desde logo, saltam à vista as belíssimas tonalidades de azul, verde e cinzento dos lagos e cascatas, envoltos num luxuriante vale verde.

O parque pode ser visitado tanto nos passadiços de madeira como de barco. No total, são 16 lagos interligados num cenário surpreendente, que se caracteriza por uma abundante vegetação e uma fauna variada onde se incluem ursos e diversas espécies de aves.

O Verão é uma estação com muita afluência de turistas, pelo que a Primavera e o Outono acabam por ser os períodos ideais para uma visita. Existem três hotéis dentro do parque, com tarifas entre 100-200 euros: Hotel Plitvice, Hotel Bellevue e Hotel Jezero.

4. Zagreb

Zagreb

Igreja de São Marcos

A capital Zabreg está dividida no centro histórico (Gornji grad), com os seus bairros Kaptol e Gradec, onde predominam as praças e os edifícios de traços medievais, e a zona mais recente (Donji grad), que corresponde à área comercial e cultural da cidade. A igreja de São Marcos é um dos monumentos mais emblemáticos de Zagreb, e Tkalčićeva é uma das ruas mais turísticas da cidade, onde proliferam restaurantes, bares e cafés.

A gastronomia é outro dos atrativos desta cidade. O strukli de zagorje, que corresponde a uma massa recheada com abóbora, maçã, e queijo fresco, o vinski gulaš, um cozido húngaro com vinho, e o šljivovica, lombo de porco recheado com ameixa preta e aguardente do mesmo fruto, são algumas das especialidades que não pode perder numa visita a Zagreb.

5. Korcula

Vista de ilha de Korcula

Korcula é a sexta maior ilha da Croácia, separada do continente por um estreito. Dizem que foi nesta ilha que nasceu Marco Polo. Como prova, numa ruazinha estreita da cidade que partilha o nome da ilha, vai encontrar a casa onde o mercador terá nascido.

A pitoresca cidade possui ainda um conjunto de edifícios notáveis e a belíssima Catedral de São Marcos datada do século XV. Korcula é também famosa pelas suas vinhas, que produzem o Grk, um vinho branco que apenas é produzido na região em redor da localidade de Lumbarda.