O Que Ver e Fazer na Holanda – 6 Melhores Atrações

A capital Amesterdão, com o seu red light district e as inúmeras coffee shops, é um destino obrigatório numa visita à Holanda, mas há tanto mais descobrir no país das tulipas, dos moinhos de vento e da tolerância.

Aproveite a excelente rede de transportes públicos que cobre todo o território holandês para descobrir as belíssimas paisagens e visitar as inúmeras cidades holandesas, desde as mais históricas como Leiden e Delft, até às mais modernas, como Utrecht, Haia e Roterdão.

Amesterdão

Rua junto ao canal em Amesterdão

Amesterdão tem tantos eventos e atrações como qualquer grande metrópole mas poucas das desvantagens – a cidade é pequena, com restrições ao uso de carro no centro, o que signifca que a pé ou de bicicleta facilmente se chega a qualquer local. As melhores atrações de Amesterdão incluem museus como o Van Gogh, a Casa de Anne Frank, os pitorescos canais, o red light district e as inúmeras coffee shops.

Leiden

Canal de Leiden

Leiden é uma pitoresca cidade cuja imagem de marca são os canais atravessados por pontes de madeira e ladeados por antigos moinhos de vento e parques luxuriantes. A cidade alberga ainda inúmeros museus, dedicados a temas tão diversos como ciência e história natural, moinhos de vento e antiguidade egípcias. O Hortus Botanicus de Leiden, fundado em 1590, é o jardim botânico mais antigo da Holanda, e um dos mais antigos do mundo, do qual se destacam o jardim de Inverno, o jardim japonês, entre outros espaços a visitar.

Delft

Edifício histórico da Câmara Municipal de Delft

Delft é uma cidade com uma rica história, onde se destacam os tradicionais canais e a magnífica arquitectura, nomeadamente o edifício da Câmara Municipal em estilo renascentista e as antigas igrejas. O Museu Het Prinsenhof presta homenagem a Guilherme de Orange, dando a conhecer a revolta contra a ocupação espanhola, e a criação da República da Holanda. Na perca ainda uma visita à Royal Delft, a única fábrica da porcelana azul e branca toda pintada à mão que resta na cidade. Tal como Leiden, Delft proporciona uma excelente visita de um dia a partir de Amesterdão.

Haia

Vista do Binnenhof à noite

Apesar de Amesterdão ser a capital, Haia é o centro político da Holanda, onde se localiza o Binnenhof, um conjunto de edifícios governamentais, à beira do lago Hofvijver, onde os assuntos de estado são discutidos desde 1584. No centro da cidade, vai poder ainda visitar monumentos, bairros históricos, galerias de arte e diversas lojas. Haia é também conhecida pelas praias do mar do Norte em Scheveningen. Outras atrações incluem a cidade em miniatura de Madurodam, e uma vista panorâmica de 360º do mar, das dunas e de Scheveningen no final do século XIX oferecida pelo Panorama Mesdag.

Utrecht

Esplanadas junto ao canal de Utrecht

Utrecht é uma cidade jovem e vibrante no centro da Holanda. Desenvolvida em torno da torre Dom, visível de qualquer ponto da cidade, Utrecht é uma cidade sem carros, com um belíssimo sistema de canais cujos cais são aproveitados para cafés e esplanadas à beira de água. Para os apreciadores de arquitectura e museus, os destaques são a catedral gótica de São Martinho, que integra a torre Dom, a sede da Universidade de Utrecht onde se celebram cerimónias e se concedem diplomas, a Casa Rietveld Schrode, um excelente exemplar do estilo arquitectónico holandês conhecido De Stijl, e o divertido museu Speelklok, com uma colecção de relógios, caixas de músicas e outros instrumentos musicais.

Roterdão

Vista de Roterdão com a ponte Erasmus

Uma mera vila piscatória no século XIII, Roterdão é hoje a cidade mais moderna da Holanda. Tal como Amesterdão, Roterdão é uma cidade com vários bairros históricos para explorar a pé ou de bicicleta. Delfshaven, localizado no porto, é um dos poucos locais de Roterdão que escapou aos bombardeamentos da Segunda Guerra Mundial. Aqui, visite a igreja dos Peregrinos (Pelgrimvaderskerk), a cervejaria De Pelgrim, e o De Delft, a réplica de um navio do século XVIII que está a ser construída. Em Roterdão, não perca ainda a ponte Erasmus, uma fascinante obra de engenharia, e o museu Boijmans Van Beuningen, com uma colecção de arte desde a Idade Média aos tempos modernos, incluindo obras de Dali, Van Gogh, Bosch e Rembrandt.