O Que Ver e Fazer em Macau: 10 Atrações Imperdíveis

0

Macau é um destino surpreendente que combina as tradições e a cultura portuguesa, ocidental e chinesa num único local. Um território singular no continente asiático.

O centro histórico de Macau é o testemunho vivo desta amálgama de influências orientais e ocidentais que coexistam lado a lado há quase 5 séculos.

Um território que preserva o legado histórico e cultural e que se projeta para o futuro através de mega empreendimentos associados aos casinos.

A seguir apresentamos uma lista de 10 atrações imperdíveis em Macau que incluem locais históricos, edifícios religiosos e dicas sobre o que ver e fazer neste destino.

#1 Ruínas de São Paulo

Fachada das Ruínas de São Paulo

Ruínas de São Paulo

As Ruínas de São Paulo são um dos bilhetes-postais mais conhecidos de Macau. As ruínas pertencem à antiga Igreja da Madre de Deus, uma igreja católica construída no início do século XVI, e que foi destruída por um grande incêndio em 1835. O fogo deixou apenas a bela fachada em granito, sendo hoje um dos principais marcos do passado histórico de Macau e um dos símbolos da cultural ocidental-cristã no território.

As Ruínas de São Paulo, em conjunto com a Fortaleza do Monte, fazem parte do centro histórico de Macau que está incluído na lista de Património Mundial da Humanidade da Unesco.

#2 Fortaleza do Monte

A Fortaleza do Monte é outro dos símbolos históricos do território. A estrutura imponente foi construída pelos jesuítas entre 1617 e 1626 e fazia parte do complexo que integrava o Colégio e a Igreja de São Paulo.

Actualmente, a fortaleza está ocupada pelo Museu de Macau, onde pode ficar a conhecer a história da cidade e do território. O museu está aberto de terça-feira a domingo das 10h às 18h.

#3 Largo do Senado

Santa Casa da Misericórdia

Edificio da Santa Casa da Misericórdia no Largo do Senado

O Largo do Senado é coração de Macau e um dos locais mais interessantes para admirar a presença da cultura ocidental no território, expressa na arquitectura dos edifícios, na Igreja de São Domingos de estilo barroco e na típica calçada portuguesa que cobre todo o Largo e grande parte da Avenida Almeida Ribeiro (San Ma Lo Road).

O Largo do Senado, em conjunto com os edifícios do Leal Senado e da Santa Casa da Misericórdia fazem parte do centro histórico de Macau e da lista de Património Mundial da Unesco.

#4 Templo A-Má

Templo A-Má

Templo A-Má

Em Macau vai encontrar diversos templos budistas e taoístas. O templo de A-Má (Deusa do Céu) é um dos mais conhecidos, sendo constituído por vários pavilhões dedicados ao culto de divindades chinesas, onde se cruzam diversas influências culturais e religiosas que passam pelo taoísmo, o confucionismo, o budismo e diversas crenças populares. O templo de A-Má é um dos principais símbolos da cultura chinesa em Macau.

#5 Torre de Macau

A Torre de Macau faz parte da lista das 25 torres mais altas do mundo com 338 metros de altura. Suba até à plataforma de observação (233 metros) e admire as excelentes vistas panorâmicas sobre o território no 360º Café.

A torre panorâmica inclui ainda um centro comercial no piso térreo, cinema, salas de jogos com slot machines e actividades de aventura (Sky Jump, Skywalk e Bungy Jump).

#6 Casinos

Casinos

Sala de jogo de um casino de Macau

Todos os anos milhares de jogadores chineses visitam Macau, a “Las Vegas da Ásia”, em busca da sorte. No total, existem 33 casinos no território, sendo que o maior é o “The Venetian Macao”, uma réplica do empreendimento The Venetian em Las Vegas,e que é o maior casino do mundo com mais de 3 mil máquinas e 800 mesas de jogo.

Vale a pena visitar os casinos de Macau, mesmo que não seja para jogar, e apreciar a ostentação e o luxo destes grandes espaços de entretenimento. O Casino de Macau, o MGM Macau e o Galaxy Macau são outros dos casinos emblemáticos do território.

#7 Estátua de Kun Iam

A estátua de Kun Iam (Deusa da Misericórdia) integra o Centro Ecuménico Kun Iam de autoria da arquitecta Cristina Rocha Leiria. A estátua de bronze com 20 metros de altura é um símbolo da amizade entre os povos, da tolerância religiosa e do pluralismo cultural que marcaram Macau ao longo de vários séculos.

O Centro Ecuménico, inaugurado em 1999, é constituído por áreas de lazer, exposições, biblioteca e mediateca. A entrada é livre.

#8 Pontes de Macau

As pontes de Macau que ligam a Península de Macau e a ilha de Taipa (Pontes de Sai Van, Governador Nobre de Carvalho e da Amizade) são grandes obras de arte da engenharia. À noite, ganham uma beleza especial e são um ótimo tema para tirar belas fotografias.

#9 Gastronomia

Cozinha de Macau

Os famosos dumplings

A comida é outra das atrações imperdíveis de Macau. As influências da cultura portuguesa e chinesa estão muito presentes na cozinha macaense com uma grande fusão de sabores. Os pratos mais famosos do território são a Galinha à Africana e os Camarões Picantes à Macaense.

Em Macau também pode saborear a gastronomia de diversas províncias da China, onde se destaca o famoso Pato à Pequim, os dumplings, os wontons e as sopas de Sichuan.

#10 Vila da Taipa

A Vila da Taipa é um dos melhores locais de Macau para saborear a autêntica gastronomia macaense e portuguesa. Este pequeno enclave com edifícios de arquitetura ocidental, becos, templos, lojas e restaurantes é um mundo à parte que vale a pena descobrir, principalmente à noite.

Planear viagem a Macau
Quando Ir
Como Chegar
Onde Ficar
Partilhar.