O Que Ver e Fazer em Paris – 10 Atrações Turísticas Imperdíveis

A cidade de Paris é um dos principais destinos turísticos a nível mundial, com mais de 18 milhões de visitantes por ano.

A capital francesa é um destino incontornável na Europa pelo património arquitectónico e cultural e pela intensa actividade cultural.

Atendendo à dimensão da cidade e à dispersão geográfica das principais atrações turísticas de Paris, é essencial planear muito bem o que ver e fazer.

Genericamente, os principais monumentos de Paris estão concentrados nos 7ème e 8ème arrondissements. No septième, localizam-se a Torre Eiffel de onde se avistam, em primeiro plano, o Campo de Marte (Champ de Mars), um dos maiores espaços verdes de Paris, e, em pano de fundo, a Torre de Montparnasse, o Hôtel des Invalides e o Museu d’Orsay.

No huitième, é possível visitar o Arco do Triunfo e os Champs Elysées. Ainda neste bairro, à beira do Sena, o Grand e o Petit Palais e a Place de La Concorde são locais de visita obrigatória.

Uma boa forma de optimizar a sua viagem à capital francesa é adquirir o Paris Museum Pass que dá acesso a mais de 60 museus e monumentos de Paris e arredores, incluindo os Museus do Louvre e d’Orsay e o Palácio de Versalhes, sem esperas nas longas filas.

O passe inclui entradas ilimitadas nas coleções permanentes dos museus, e está disponível nas opções 2, 4 ou 6 dias. As crianças e os jovens com menos de 18 anos e os jovens adultos até 26 anos, residentes na União Europeia, não pagam entrada na maioria dos museus em Paris, pelo que não precisam de passe.

Para circular na cidade, recomendamos o passe Paris Visite que permite a utilização ilimitada dos transportes públicos na região de Paris. O passe está disponível nas opções 1, 2, 3 ou 5 dias consecutivos, para as zonas 1-3 (subúrbios mais próximos) e para as zonas 1-5 (inclui os aeroportos CDG/Orly e Versalhes).

O passe pode ser utilizado na rede de transportes públicos da região da Ile de France, incluindo metro, comboio regional (RATP e SNCF), autocarro (linhas RATP e OPTILE) e funicular de Montmartre.

Para descobrir a cidade de uma forma cómoda, pode ainda optar pelos autocarros turísticos hop on hop off, que permitem conhecer a cidade de Paris com muita flexibilidade. Os autocarros param em mais de 50 pontos da cidade, e existem três modalidades de passes, com a duração de 1 a 3 dias: apenas autocarro, autocarro e cruzeiro (linha Batobus no Sena), e autocarro e entrada no Louvre. Os preços dos passes começam nos 32€ (metade do preço para crianças).

Para uma introdução a Paris, deixamos aqui uma lista de 10 locais que vale a pena conhecer numa visita à Cidade das Luzes.

Torre Eiffel

Torre Eiffel

Torre Eiffel

A Torre Eiffel, situada no Champ de Mars, é um dos lugares mais emblemáticos da cidade francesa. Este imponente monumento, obra do engenheiro Gustave Eiffel, foi construído como arco de entrada da Exposição Universal de 1889. A estrutura tem cerca de 325 metros de altura e dispõe de três níveis de observação.

A Torre Eiffel é um dos locais mais visitados de Paris. Recebe cerca de 8 milhões de visitantes anualmente, sendo por isso aconselhável planear a sua visita com antecedência. O ideal é comprar o bilhete online, podendo escolher a data e hora e o tipo de bilhete pretendido.

Os bilhetes têm preços que variam em função do perfil do visitante (criança, jovem, adulto, etc.) e do modo de subida (escadas ou elevador).

A Torre Eiffel está aberta todos os dias nos seguintes horários:

  • 1 de Janeiro a 14 de Junho e 2 de setembro a 31 de dezembro – 9h30 às 23h45 (elevador) e 9h30 às 18h30 (escadas)
  • 15 de Junho a 1 de Setembro: 9h às 0h45 (elevador) e das 9h às 0h45 (escadas)

Arco do Triunfo

Arco do Triunfo

Arco do Triunfo à noite

O Arco do Triunfo é outro dos símbolos de Paris. O monumento, inaugurado em 1836, foi construído para celebrar as vitórias militares de Napoleão Bonaparte.

O Arco está localizado na Praça Charles de Gaulle, fazendo parte do denominado Eixo Histórico (Axe historique), que corresponde a um conjunto de monumentos e grandes vias públicas situados entre o Museu do Louvre e o Grande Arco de la Défense.

O acesso ao Arco do Triunfo faz-se por passagens subterrâneas. Suba até ao terraço panorâmico e admire as vistas sobre a cidade.

Catedral de Notre Dame de Paris

Notre Dame

Catedral de Notre Dame

A Catedral de Notre Dame é um marco da cidade de Paris, tendo sido inaugurada em 1345. A sua construção demorou quase 200 anos.

A catedral é constituída por quatro sinos, diversas esculturas, pelo tesouro (coleção de peças sagradas) e por duas torres, sendo que uma delas está aberta ao público. Suba os 380 degraus até ao topo e admire as vistas sobre a cidade.

A entrada é gratuita, existindo um balcão de informações situado em frente à entrada, que funciona das 9h30 às 18h de segunda a sextas-feiras e das 9h às 18h aos fins de semana.

Na área em torno da catedral, aproveite para fazer um passeio pelo rio Sena e aprecie as fachadas de uma das mais antigas catedrais francesas em estilo gótico.

Museu do Louvre

Louvre

Louvre

O Museu do Louvre é um dos museus mais famosos e um dos mais visitados a nível mundial com cerca de 10 milhões de visitantes por ano.

O espólio do museu reúne mais de 35 mil obras de arte, incluindo pinturas, esculturas, desenhos, vestuário, joalharia, instrumentos musicais, entre outras peças. A Mona Lisa de Leonardo da Vinci, Os Escravos de Michelangelo e a estátua Vénus de Milo são algumas das obras mais emblemáticas do Museu do Louvre.

Para planear a sua visita, recomendamos que consulte previamente o site do museu para identificar as obras, as galerias e os espaços de exposição que são do seu interesse. Para evitar as longas filas, sugerimos que compre antecipadamente os bilhetes através do site oficial. A entrada dá acesso à coleção permanente do museu durante o dia inteiro, sendo possível sair e entrar do museu em qualquer momento.

O Museu do Louvre está aberto todos os dias (com exceção da terça-feira) das 9h às 18h, sendo que às quartas e sextas-feiras o museu encerra às 21h45.

Basílica do Sagrado Coração

Sacré Couer

Basilica do Sagrado Coração

No topo da colina de Montparnasse, a Basílica do Sagrado Coração em Paris é um edifício imponente em mármore branco. O seu interior, com mosaicos de ouro e vitrais coloridos, pode ser visitado gratuitamente, mas é cobrada entrada para visitas à cúpula. A basílica está aberta todos os dias das 6h às 22h30. Depois de visitar a basílica, aproveite para conhecer o animado bairro de Montparnasse.

Museu D’Orsay

Museu D'Orsay

Interior do Museu D’Orsay

O Museu D’Orsay está instalado num edifício que originalmente era a Gare d’Orsay, uma estação ferroviária situada na margem esquerda do rio Sena (VII arrondissement). A exposição permanente do museu inclui obras como o autorretrato de Van Gogh, as Coquelicots de Claude Monet, L’homme qui Marche de Auguste Rodin, entre outras obras de referência.

O museu está aberto das 9h30 às 18h de terça-feira a domingo, sendo que às quintas-feiras encerra às 21h45. Entre Outubro e Março, a entrada é gratuita no primeiro domingo de cada mês.

Jardim do Luxemburgo

Luxemburgo

Jardim do Luxemburgo

O Jardim do Luxemburgo é o maior parque público da capital francesa, com cerca de 225 mil m², estando localizado no 6ème arrondissement entre o Boulevard Saint Michel, a rua Vaugirard e a rua Notre Dame des Champs. O jardim possui lagos, diversas espécies de árvores, estátuas, restaurante e áreas de lazer para as crianças.

Centro Pompidou

Pompidou

Centro Pompidou

O Centro Georges Pompidou (Centre National d’Art et de Culture Georges-Pompidou) é um dos principais centros culturais de Paris no domínio da arte moderna e contemporânea, tendo sido concebido pelo arquitetos Renzo Piano e Richard Rogers.

O complexo reúne o Musée National d’Art Moderne, a Bibliothèque Publique d’Information (biblioteca pública de informação), e o IRCAM, um centro para música e pesquisas acústicas, entre outros equipamentos culturais.

O Centro Georges Pompidou está aberto todos os dias (exceto às terças-feiras) das 11h às 22h.

Como Chegar:

Metro: Rambuteau (linha 11), Hôtel de Ville (linhas 1 e 11), Châtelet (linhas 1, 4, 7, 11 e 14)
RER: Châtelet-les Halles (linhas A, B e D)
Autocarros: 29, 38, 47, 75

Ópera Garnier

Opera Garnier

Interior da Opera Garnier

A Ópera Garnier (Opéra Nacional de Paris), inaugurada em 1875, é uma das obras-primas da arquitetura do seu tempo com um estilo neobarroco. O edifício destaca-se pelo exterior ornamentado e decorado com frisos de mármore de diversas cores, colunas e várias estátuas e pelo interior luxuoso onde predominam os veludos e as superfícies folheadas a ouro.

No site da Ópera Garnier encontra informações detalhadas sobre a programação e uma área dedicada à venda de bilhetes online.

Cemitério Père Lachaise

Paris

Cemitério Père Lachaise

O cemitério onde estão sepultados os famosos é uma visita obrigatória e gratuita em Paris. Proust, Balzac e Oscar Wilde são alguns dos escritores enterrados em Père Lachaise. Jim Morrison dos Doors também lá está, sendo a sua campa uma das mais visitadas pelos fãs. Para aqui chegar, siga até ao 20ème arrondissement, saia na estação Père Lachaise na linha 2 ou 3, ou na estação Philippe Auguste na linha 2.