Uma Viagem pelos Bairros Turísticos do Rio de Janeiro

O Rio de Janeiro é a segunda maior cidade do Brasil, depois de São Paulo, com cerca de 6 milhões e meio de habitantes, e um dos principais destinos turísticos da América Latina.

Em 2012, a paisagem urbana do Rio de Janeiro foi reconhecida pela Unesco como Património Cultural da Humanidade. Esta classificação valoriza os elementos naturais em torno dos quais a cidade se desenvolveu, desde as montanhas do Parque Nacional de Tijuca até ao mar, incluindo o Jardim Botânico, o morro Corcovado com a estátua do Cristo Redentor, e os morros em torno da baía de Guanabara.

A classificação da Unesco reconhece ainda o contributo da paisagem ao longo da baía de Copacabana no desenvolvimento da vida cultural ao ar livre, e como fonte de inspiração de músicos, arquitectos paisagistas e urbanistas. Por todas estas razões, vale a pena uma visita aos bairros turísticos do Rio de Janeiro.

Centro e Lapa

O Theatro Municipal à noite

O Centro é o bairro financeiro do Rio de Janeiro, e também o centro histórico da cidade. É aqui que se encontram alguns dos mais importantes museus, igrejas e edifícios históricos. Em torno da praça conhecida como Cinelândia, localizam-se os imponentes edifícios do Theatro Municipal, do Museu Nacional de Belas Artes, da Biblioteca Nacional e do Centro Cultural da Justiça Federal.

Não muito distante, em torno do Paço Imperial, outrora a sede do governo colonial, situa-se um dos principais monumentos religiosos do Rio de Janeiro – a igreja da Candelária. Aqui estão ainda instalados importantes centros culturais, como o Centro Cultural Banco do Brasil, a Casa França-Brasil e o Centro Cultural dos Correios. Encostada ao Centro, a Lapa é o bairro da boémia carioca. Vários restaurantes e bares, com muito chorinho, samba e MPB, e algum rock, funk e música electrónica, animam as noites do Rio de Janeiro.

Santa Teresa

Bonde de Santa Teresa

Santa Teresa situa-se numa serra com com vista privilegiada para as zonas sul e o centro do Rio de Janeiro. Ateliers, pequenas lojas de artesanato, bares e restaurantes animam o bairro. Os bondes, ou eléctricos, são a marca distintiva deste bairro.

O Convento de Santa Teresa, construído no século XIX, deu o nome ao bairro. Para lá chegar, tem de subir a famosa escadaria Selarón, assim baptizada depois de recuperada pelo artista chileno Selarón nos anos 90. A escadaria é composta por 215 degraus decorados com pedaços de azulejos das cores da bandeira do Brasil, verde, amarelo e azul.

Se quiser ficar neste bairro com interesse histórico e cultural, a Quinta Azul Boutique Pousada em Santa Teresa é uma das sugestões de hotéis e hostels no Rio de Janeiro.

Flamengo e Botafogo

Parque do Flamengo e o Pão de Açúcar

Nos bairros Flamengo e Botafogo, o destaque é o enorme Parque Brigadeiro Eduardo Gomes, também conhecido como o Aterro do Flamengo (por ter sido construído sobre sucessivos aterros na baía de Guanabara), com mais de um milhão de metros quadrados à beira-mar. O projeto paisagístico de Burle Marxo equipou o parque com pistas de corrida, ciclovia, campos de futebol, jardim infantil, etc. O Museu de Arte Moderna e a Marina da Glória também estão integrados no parque.

Leme e Copacabana

Praia de Copacabana

Copacabana e a sua fabulosa praia dispensam apresentações. O bairro caracteriza-se por ter a maior concentração de hotéis do Rio de Janeiro, e por ter animação durante todo o dia e noite. O Leme é um calmo bairro residencial, situado à leste de Copacabana.

Ipanema e Leblon

Praia do Arpeador e o Leblon

Ipanema é o bairro onde a bossa nova nasceu, e a área do Rio de Janeiro com a maior concentração de lojas de moda, boutiques, joalharias, cabeleireiros e restaurantes. Na praia de Ipanema, o magnífico pôr-do-sol é para ser visto a partir do Posto 9 (como é conhecida a torre de vigilância).

Leblon é o bairro da classe alta do Rio de Janeiro. Aqui se encontram livrarias, lojas de estilistas, restaurantes e cafés, em especial em torno das ruas Dias Ferreira e Ataulfo de Paiva. O Bracarense é conhecido por ter os melhores chopps e petiscos do Rio de Janeiro.

Barra da Tijuca

Surf na Praia da Barra

A Barra da Tijuca é um bairro na Zona Oeste do Rio, caracterizado pelos grandes condomínios, centros comerciais e supermercados, fruto da explosão demográfica que ocorreu neste bairro nos anos 80. Também aqui se encontram belas praias urbanas, que atraem adeptos de surf e de outros desportos aquáticos, com destaque para a praia do Pepê, que presta homenagem ao desportista e surfista brasileiro.