Guia Prático para Visitar Estocolmo

A cidade de Estocolmo, capital da Suécia, é uma excelente opção para uma escapadela de fim-de-semana prolongado.

Estocolmo é o centro político, económico e cultural da Suécia, e é a cidade escandinava com maior número de turistas. Com 14 ilhas ligadas por 57 pontes, é frequentemente apelidada de Veneza do Norte.

Para planear a sua visita, conheça os principais bairros turísticos e saiba que ver e fazer em cada um deles. Damos ainda algumas informações úteis para visitar este destino.

Bairros de Estocolmo

Gamla Stan

Visita ao centro histórico de Estocolmo

Gamla Stan, o centro histórico

Gamla Stan corresponde ao núcleo histórico da capital sueca, por vezes chamado “cidade velha”, fundado sobre a ilha de Stadsholmen, em 1252. Nesta área de ruelas e becos medievais, encontram-se os edifícios históricos em torno da praça principal Stortorget. Para além do Palácio Real, na cidade velha vai encontrar a Catedral de Estocolmo, o Museu Nobel e o restaurante Den Gyldene Freden que, de acordo com livro do Guiness, é o mais antigo estabelecimento do mundo que se mantém inalterado (com traços de taberna do século XVIII) desde que abriu em 1722.

Södermalm

Arquitectura de Södermalm

A ilha de Södermalm, também conhecida como Söder (Sul), oferece as melhores vistas da cidade e do mar Báltico. Trata-se de uma área com um desenvolvimento mais recente do que Gamla Stan, onde vai encontrar arquitectura dos séculos XVIII e XIX. Hoje, Södermalm é animada com lojas, restaurantes e bares, destacando-se a zona pedonal de Götgatsbacken, a praça conhecida como Medborgarplatsen (Praça do Povo) e a zona a sul de Folkungagatan.

Djurgården

Casa típica em Skansen

A ilha de Djurgården é também um local de visita obrigatória. Nesta imensa área verde, onde também existe um parque de diversões, localizam-se diversos museus como o Museu Vasa, que alberga o navio real de guerra, o Museu Nórdico (Nordiska Musseet) que mostra a história da cultura sueca dos últimos 500 anos, o Museu dos Abba, e o Skansen, um museu ao ar livre onde pode apreciar as casas e o modo de vida da Suécia pré-industrial.

Östermalm

Mercado Östermalmshallen

Östermalm é um bairro abastado, onde se situa o Parque Nacional (Nationalstadsparken). A praça de Stureplan, situada nesta zona, é o centro das lojas de luxo, dos restaurantes e da vida nocturna da cidade. É também neste bairro que se localiza o mercado coberto Östermalms Saluhall, datado de 1888, onde se vendem todo o tipo de produtos locais, como legumes, carne, peixe, queijo, chocolate. Nos restaurantes, pode provar as especialidades suecas, com destaque para o peixe e o marisco.

Norrmalm

Bancas de frutas e legumes em Hötorget

Norrmalm corresponde à área dos negócios, também conhecida como City, onde se situa a longa rua pedonal Drottninggatan, com várias lojas, museus, teatros, hotéis e restaurantes, e a principal estação de comboios de Estocolmo. Nesta área, não perca o mercado de frutas, legumes e flores na praça Hötorget, que aos domingos dá lugar a uma feira da ladra.

Kungsholmen

Stadshuset

O edifício da Câmara Municipal (Stadshuset) situa-se no extremo oriental de Kungsholmen. Esta é uma ilha um pouco mais suburbana, com algumas zonas residenciais. Tem uma pequena praia natural, ideal para crianças, conhecida como Smedsuddsbadet, localizada na proximidade do parque Rålambshovsparken.

Se planeia visitar museus em Estocolmo, o Stockolm Pass pode ser uma opção interessante para poupar dinheiro. Disponível nas opções 1, 2, 3 e 5 dias, o cartão inclui entrada em mais de 60 atrações, viagens gratuitas nos autocarros e barcos turísticos, e acesso ao Travelcard, por um custo adicional, para utilização nos transportes públicos da cidade.

Quando Ir

A melhor época para visitar Estocolmo é entre os meses de Maio e Setembro, quando os dias são mais longos e as temperaturas mais amenas. Saiba mais:

Como Ir

A TAP tem voos directos diários de Lisboa para Estocolmo a partir de 225€. Existem opções mais baratas oferecidas pelas companhias aéreas Air France e KLM:

Onde Ficar

Encontrar hotéis económicos na capital sueca pode ser uma tarefa difícil mas não impossível. Conheça 6 unidades turísticas com uma excelente relação preço / qualidade, localizadas a curta distância a pé dos principais pontos turísticos ou com boas acessibilidades aos transportes públicos da cidade:

Saber Mais